Destaque

Roberto Menescal não para, e a MPB agradece!

menescal e cris

O veterano Roberto Menescal não para. E a Música Popular Brasileira agradece. Prestes a completar, em outubro, 82 anos, o eterno pai da bossa nova (ao lado de João Gilberto, Tom Jobim e outras lendas) mantém-se atuante e criativo, envolvido em vários projetos, além de presidir a Associação Brasileira de Música, Abramus.

Nesta sexta-feira, 13, uma semana após lançar o álbum “Bossa Got The Blues”, ao lado do grupo Bossacucanova, Menescal vira a chavinha e sobe ao palco do Imperator – Centro Cultural João Nogueira, no Méier (Rio de Janeiro), para se apresentar ao lado da cantora Cris Delanno, no show “30 Anos de Muita Bossa”. “Queremos celebrar nossa parceria de três décadas e festejar o próprio sucesso da bossa nova”, explica Cris, relacionando um terceiro motivo para o encontro: fazer uma homenagem especial a Emílio Santiago. “E, como cada motivo tem a ver com o outro, achamos que seria uma boa ideia juntar tudo nessa volta minha ao Imperator, depois de três anos sem me apresentar na casa”, completa Menescal.

Na segunda metade dos anos 1980, Roberto Menescal idealizou o projeto “Aquarela Brasileira”, marco na carreira do cantor Emílio Santiago. Foi justamente na gravação de “Verdade Chinesa”, para o “Aquarela Brasileira 3”, que ele conheceu Cris Delanno. Por isso, essa música está no repertório do show. “Eu tinha chamado seis pessoas para o coro da canção, mas uma delas não pôde ir e mandou a Cris no lugar. Durante a gravação, percebi uma voz sobressaindo e vi que era ela. Logo em seguida, fui gravar o meu disco ‘Ditos e Feitos’ e a convidei para cantar na faixa-título”, lembra Menescal.

Além de “Verdade Chinesa” (Gilson/Carlos Colla), o repertório conta ainda com “Bye Bye Brasil”, parceria de Menescal com Chico Buarque , e clássicos da bossa nova como “O Barquinho”, “Você”, “A Felicidade” e “Tem Dó”, além de versões bossanovistas para canções originalmente lançadas em outros gêneros – casos de “Roxanne”, hit do The Police, e “It’s Wonderful”, imortalizada na voz de Ella Fitzgerald.

Na apresentação no Imperator, marcada para as 19 horas, Menescal e Cris Delanno estarão acompanhados pelo trio João Cortez (bateria), Jefferson Lescowich (contrabaixo) e Adriano Souza (piano). (foto de Cristina Granato)

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sucesso! é um portal de notícias pertencente à Editora Espetáculo, empresa com sede em São Paulo e escritório no Rio de Janeiro, responsável pelo site showbusiness.com.br e pelas newsletters Sucesso e-mailing, Show Business Express, Show Business Urgente e Disparo Show Business.

Copyright © 2017 Editora Espetáculo

Topo