Destaque

Êxito do single “WAP” reforça o poder de Cardi B

cardi b e megan

Aos 27 anos, a cantora e rapper Cardi B, um dos nomes mais badalados da urban music americana, continua a fazer história — agora graças ao sucesso do novo single “WAP” (feat. Megan Thee Stallion), que estreou em primeiro lugar na lista Billboard Hot 100. A faixa de sucesso, certificada ouro nos Estados Unidos na primeira semana, rapidamente quebrou múltiplos recordes, incluindo o status de música de uma artista feminina com mais reproduções na primeira semana, a com mais plays em uma semana de estreia em 2020, além de ser uma das TOP 3 faixas do segmento de hip-hop em volume de streams em uma semana de estreia — em todos os tempos.

O single, já cheio de recordes, aumenta o histórico de Cardi B ao quebrar números e títulos, entre eles, o de primeira rapper feminina com maior número de músicas número um na lista Billboard Hot 100. Hoje, são quatro, com a inclusão de “WAP (feat. Megan Thee Stallion)”. A faixa, além disso, fez de Cardi B a primeira rapper feminina a ter um número um no chart Hot 100 em duas décadas diferentes e ser a terceira rapper feminina a estrear na posição de número um na Hot 100 como artista principal.

“WAP (feat. Megan The Stallion)” afirmou Cardi B como uma das artistas mais populares de todos os tempos na Apple Music. A faixa marca a sétima faixa número um de Cardi B na nesta plataforma – a maior conquista deste tipo feita por qualquer artista feminina em cinco anos de história do serviço. A música ainda fez de Cardi a primeira rapper feminina a ter duas músicas como hit número um na lista Global do Spotify, sendo elas “Taki Taki” (de DJ Snake, com Selena Gomez e Ozuna) e agora “WAP” (Feat. Megan Thee Stallion).

“WAP (feat. Megan Thee Stallion)”, produzida por Ayo & Keyz, marca o primeiro lançamento de Cardi desde a estreia do single “Press”, de 2019. A faixa chegou acompanhada de clipe inédito (cena abaixo), dirigido por Conlin Tilley e com colaboração de um cast composto exclusivamente por mulheres, incluindo as estrelas Normani, Kylie Jenner, Rosalía, Mulatto, Rubi Rose e Sukuhana. O registro também provou mais uma vez a potência da rapper — em 12 dias de postagem, o vídeo registra 110 milhões de visualizações no YouTube.

cardi b e megan 1

Indicada por “Melhor Álbum Rap” no GRAMMY Awards de 2019 – o que marcou Cardi na história da premiação, como a primeira artista solo feminina a ganhar esta categoria de prestígio – o agora 3x platina “Invasion Of Privacy” é destacado por uma verdadeira notável sequência de singles de sucesso, incluindo dois clássicos número um — “Bodak Yellow” e “I Like It”, com Bad Bunny e J Balvin –, bem “Bartier Cardi (feat. 21 Savage)”, “Be Careful”, “Ring (feat. Kehlani)”, “Best Life (feat. Chance The Rapper)”, “I Do (feat. SZA) e “Drip (feat. Migos)”. Além disso, todas as faixas restantes deste projeto provaram serem ouro ou superior, firmando Cardi B como a primeira rapper a alcançar este feito histórico.

Antes de estrear “Invasion Of Privacy”, Cardi B já tinha no currículo “Money”, de 2018, quatro vezes platina, e “Please Me”, de 2019, com colaboração do amigo de longa data e parceiro de gravadora, Bruno Mars, três vezes platina. O ano passado viu também a estreia do single “Press”, também certificado platina, e a colaboração na música de Ed Sheeran, “South Of Border” (feat. Camila Cabello & Cardi B), tornar-se ouro.

Assista ao vídeo de “WAP”, com Cardi B (feat. Megan Thee Stallion):

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sucesso! é um portal de notícias pertencente à Editora Espetáculo, empresa com sede em São Paulo e escritório no Rio de Janeiro, responsável pelo site showbusiness.com.br e pelas newsletters Sucesso e-mailing, Show Business Express, Show Business Urgente e Disparo Show Business.

Copyright © 2017 Editora Espetáculo

Topo