Destaque

Fenômeno dos anos 80, Rosana sobe single empoderado

rosana cantora

Cantora que fez muito sucesso nos anos 1980 e 1990, com quase 20 músicas em trilhas de novelas — incluindo os megahits “O Amor e o Poder” (“Mandala”, Globo, 1987) e ‘Nem Um Toque” (“Roda de Fogo”, Globo, 1986), Rosana mantem-se em atividade, ainda que com espaçamentos maiores em relação a lançamentos musicais.

Agora, a cantora de voz marcante flerta com o soul e o R&B no empoderado single “Wonder Woman”, que chegou às plataformas no final de semana. Fazendo alusão a outras lendas da música, Rosana abusa de suas habilidades vocais em trechos como “Ser Wonder Woman todo santo dia/Juro que é difícil demais/Pode crer que uma super-heroína/Não tem um segundo de paz”. Em entrevista recente, ela explicou sobre o single: “Wonder Woman” fala da guerra que a mulher enfrenta desde os primórdios e que vai continuar enfrentando, porque o preconceito só aumenta quando ela reage e busca os seus direitos”. Rosana também mira o seu público LGBTQIA+ com essa música, sobretudo em batalhas de lip sync, muito comuns no Tik Tok . “Acho que esse público já pensa em como vai dublar a música, e eu adoro quando sou recriada pelas drags”, afirma.

Produzida por Sergiopí e Hiroshi Mizutani, e de autoria de Cris Delanno, Alex Moreira e Gabriel Moura, “Wonder Woman” chega na sequência do single “Feitiço”, lançado em 20 de julho. Os dois lançamentos antecipam o conteúdo do novo álbum da artista, que contará também com inéditas de nomes como Zeca Baleiro, Wado, Hyldon e Michael Sullivan. O produto sai pelo Selo Poliphonia, marca criada pelo selo carioca LAB 344 para celebrar o melhor da música popular brasileira de todos os tempos.

“Ser artista mulher nesse país, por si só, já traz muitas dificuldades. Muitas vezes temos que aguentar julgamentos, humilhações e injustiças. Coisas que não acontecem no cenário masculino. Essa é a pior parte. A parte boa é o carinho que a gente recebe dos fãs. É a força que nos dá ânimo para seguirmos em frente. É quando a gente sente que todo o sacrifício valeu a pena”, disse Rosana na época do lançamento do single “Eu Bem Que Te Avisei”, com feat do filho rapper Fiengo.

Ganhadora de vários prêmios da indústria, entre eles cinco como melhor cantora, oito discos de ouro e dois de platina, Rosana teve alguns de seus hits no topo das paradas em toda América Latina, Portugal e Espanha, se tornando um fenômeno popular. A cantora marcou uma geração com clássicos como “Custe O Que Custar”, “Direto No Olhar” e “Vício Fatal”, além de ‘Nem Um Toque” e sobretudo “O Amor e o Poder”, que até hoje toca nas rádios e está presente em milhares de playlists nas plataformas digitais.

Ouça “Wonder Woman”, novo single de Rosana:

 

Sucesso! é um portal de notícias pertencente à Editora Espetáculo, empresa com sede em São Paulo e escritório no Rio de Janeiro, responsável pelo site showbusiness.com.br e pelas newsletters Sucesso e-mailing, Show Business Express, Show Business Urgente e Disparo Show Business.

Copyright © 2017 Editora Espetáculo

Topo